Atletas Olímpicos Brasileiros

Foto de exibição
NATÁLIA SCHERER EIDT
Nascida em Santa Cruz do Sul (RS), em 28 de outubro de 1985, começou a fazer ginástica artística aos cinco anos e, na metade do ano, resolveu mudar para a ginástica rítmica, na escola em que estudava. Aos sete anos, começou a participar de competições de etapas do interior e estaduais. Aos nove anos, foi a seu primeiro campeonato brasileiro, momento em que também sofreu sua primeira lesão grave, que a deixou fora de treinamentos por seis meses. Aos 12 anos, foi convocada para a seleção brasileira e participou do campeonato pan-americano de ginástica artística e rítmica em Houston, quando conquistou o 3º lugar. Em 2000, participou do grupo que pela primeira vez foi aos Jogos Olímpicos, em Sidney, quando a equipe terminou na 8ª colocação. No retorno dos Jogos, resolveu sair da seleção por se considerar cansada da rotina de treinos e competições. Voltou a treinar e competir, quando sofreu uma fratura por estresse na 5ª vértebra lombar. Ainda assim, foi aos Jogos Pan-Americanos de Santo Domingo, em 2003, conquistando três medalhas de ouro e ajudando a garantir a vaga olímpica. Porém, no processo seletivo para os Jogos Olímpicos de Atenas, foi cortada da seleção e, então, resolveu encerrar sua carreira. Passou a dançar e fez faculdade de Educação Física.

Representou o Brasil nos Jogos de:


2000 Sydney Ginástica Rítmica