Atletas Olímpicos Brasileiros

Foto de exibição
ESQUIVA FALCÃO
Esquiva Falcão Florentino nasceu em Vitória (ES), em 12 de dezembro de 1989. Filho de um ex-pugilista e lutador de MMA, conhecido como Touro Moreno. Quando nasceu, seu pai lhe deu o nome de Esquiva pensando na técnica de luta, que ele executaria no caso de um golpe. Fez sua primeira luta aos 13 anos. Aos 15, migrou para São Paulo, onde disputou o torneio Forja dos Campeões e conquistou uma vitória. Devido à pouca idade, foi aconselhado pelo técnico do São Caetano a voltar para casa e somente começar a competir quando fosse maior. Isso o fez retornar ao Espírito Santo. Diante da falta de contato do clube, foi para o Rio de Janeiro, treinar no Projeto Todos na Luta, em 2006. Em 2008, foi convocado para a seleção brasileira. Conquistou a 3ª colocação nos Jogos Sul-Americanos de 2010, em Medelin. Em 2011 foi medalhista de bronze no Mundial, em Baku, no Azerbaijão, conseguindo ali a vaga para os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, em que ganhou a medalha de prata. Esse resultado foi também consequência de uma decisão do pai, que fez Esquiva mudar de categoria em função da dificuldade de controlar o peso. Para isso, fez com que o irmão, Yamaguchi, também mudasse de peso, para que ambos não disputassem uma vaga ou campeonato entre si. Yamaguchi foi campeão brasileiro na categoria até 81kg e Esquiva campeão brasileiro na categoria 75kg. Ambos foram aos Jogos Olímpicos e conquistaram medalhas depois de 44 anos sem um pódio na modalidade. Foi o porta-bandeira brasileiro na cerimônia de encerramento dos Jogos.

Representou o Brasil nos Jogos de:


2012 Londres Boxe