Atletas Olímpicos Brasileiros

Foto de exibição
ELISÂNGELA ADRIANO
Elisângela Maria Adriano nasceu em 27 de julho de 1972, na cidade de São Paulo. Começou a praticar atletismo aos 11 anos, na escola, depois de ser convidada pelo professor de Educação Física a fazer arremesso de peso. Ficou muito motivada a treinar, quando assistiu à vitória de Joaquim Cruz, nos Jogos Olímpicos de Los Angeles. Aos 12 anos, foi aprovada em um teste no Centro Olímpico e, lá, ficou até 1988, quando se transferiu para o SESI de Santo André, e passou a treinar com João Paulo Alves da Cunha. Destacou-se na categoria juvenil e na adulta. Preparou-se para os Jogos de Barcelona, em 1992, porém, não conseguiu o índice. Foi aos Jogos de Atlanta, em 1996. Medalhista de bronze na Universíade, de Palma de Mallorca, em 1999, no arremesso de peso e no lançamento de disco. No mesmo ano, conquistou a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Winnipeg. Porém, testou positivo no exame antidoping, ficando suspensa por dois anos. Voltou ao esporte para conquistar a medalha de prata, no arremesso de peso, nos Jogos Pan-Americanos de Santo Domingo, em 2003; e de bronze nos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro, em 2007. Foi aos Jogos Olímpicos de Atenas, em 2004, quando se tornou uma das 32 mulheres a competir na cidade de Olímpia. Em 2008, foi ainda aos Jogos Olímpicos de Pequim. É formada em Educação Física, fisioterapia e fez pós-graduação em Fisiologia.

Representou o Brasil nos Jogos de:


1996 Atlanta Atletismo
2004 Atenas Atletismo
2008 Pequim Atletismo