Atletas Olímpicos Brasileiros

Foto de exibição
ROBERT SCHEIDT
Nasceu em 15 de abril de 1973, na cidade de São Paulo. Praticou diferentes modalidades esportivas como: natação; futebol; esgrima e atletismo, no Banespa. Começou no iatismo aos cinco anos, por influência do pai, que o levou para velejar na Represa de Guarapiranga, no Yacht Club Santo Amaro. Aos nove anos, ganhou seu primeiro barco, um Optimist e, aos 13, passou para a classe Snipe, tendo como técnico, Dudu Melchert. Aos 16 anos, começou a competir na classe Laser e participou do Campeonato Mundial da Juventude. Em 1993, passou a treinar e a competir na Europa. Em 1995, foi campeão dos Jogos Pan-Americanos de Mar Del Plata, na classe Laser e, no ano seguinte, foi campeão nos Jogos Olímpicos de Atlanta. Em 1997, conquistou seu primeiro campeonato mundial de Laser, título que ainda ganharia por oito vezes. Em 1999, nos Jogos Pan-Americanos de Winnipeg, sagrou-se bicampeão pan-americano e, nos Jogos Olímpicos de Sidney de 2000, ganhou a medalha de prata, quando o inglês Ben Ainslie fez uma última regata defensiva e polêmica, tirando a possibilidade de Robert conquistar a medalha de ouro. Nos Jogos Pan-Americanos de Santo Domingo, em 2003, foi tricampeão pan-americano. Nos Jogos Olímpicos de Atenas, em 2004, foi novamente medalhista de ouro. Nos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro, em 2007, ganhou a medalha de prata na classe Laser e, no ano seguinte, passou a competir na classe Star, com Bruno Prada, com quem conquistou a medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Pequim; e a de bronze nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012. Com a retirada da classe Star do programa olímpico, voltou a competir na classe Laser e, atualmente, treina para chegar aos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. É formado em Administração de Empresas. Foi considerado o melhor velejador do mundo, em 2001 e 2004, pela ISAF.

Representou o Brasil nos Jogos de:


1996 Atlanta Vela
2000 Sydney Vela
2004 Atenas Vela
2008 Pequim Vela
2012 Londres Vela
2016 Rio de Janeiro Vela